quarta-feira, 29 de julho de 2009

OS MEANDROS DAS DECISÕES JURÍDICAS!

Depois de tanto andar às voltas com os processos da 3ªDiv. séries A e D, qual não é o meu espanto ontem ao ler as deliberações do Conselho de Disciplina da FPF.
Ora vejamos, o Auracária (série A) foi punido com desclassificação, pois o resultado desse jogo mexia com subidas e descidas, por outro lado, o Atlético (série D), foi punido com derrota sómente nesse jogo (que tinha já perdido), mas o problema é que nesse dia em que o jogo se realizava, o sucedido mexia com subidas e descidas... Claro que agora, depois de terminado o campeonato era tão fácil decidir assim!
Para mim, sinceramente numa altura destas pouco importa o que esses senhores que demonstram manter o mesmo tipo de atitude e incompetência decidiram agora, mas não podia ficar calado perante tal incoerência de um orgão federativo tão criticado por todos e com vontade de se manter assim porque alguém ou "muitos alguém" assim o deseja!
Para que fique esclarecido, esta luta não é minha, mas sim do Grupo Desportivo de Montemor que não conseguiu a subida por decisões incorrectas de quem manda (por duas vezes este ano), porque da minha parte assumo que as 10 vitórias em 13 possíveis não foram suficientes para alcançar o objectivo da subida!
Para terminar, deixo aqui um recado a todos aqueles que querem coisas boas e positivas no futsal, pois para a FPF o que importa são os pagamentos das multas que recebem semanalmente e talvez alguns senhores os prémios pelos favores.
Agora, e findo isto espero não ter que pagar mais nenhuma multa por um eventual processo que me seja instaurado pela FPF por palavras proferidas, porque multas já paguei muitas este ano, ficam os parabéns ao Louletano que assim ocupou o segundo lugar de subida ao segundo escalão do nosso Futsal.

Bem Hajam!

quinta-feira, 23 de julho de 2009

DIGNIFICAR UM PAÍS!

São de há muitos anos a minha ligação à Guiné-Bissau e não têm nada a ver com desporto nem com futsal, mas sim com a minha actividade profissional como professor e como gestor educativo. Há pelo menos 4 anos que o Presidente da Federação de Futebol daquele país me tinha feito o desafio de dar uma ajuda para constituir uma Selecção Nacional de Futsal e colocar o País no Ranking Mundial de Futsal. Por uma ou outra razões não tinha acontecido ainda e só veio a acontecer nestes 2ºs Jogos da Lusofonia disputados em Portugal (Lisboa) até há uns dias atrás. A este desafio desportivo ligou-me também uma dívida de gratidão pela forma fantástica como sempre fui tratado no País e onde tenho amigos. Como disse o Alberto Dias, Chefe de Missão da Guiné-Bissau nestes Jogos, " a Guiné também tem coisas boas..." E tem de facto, sempre afirmei, na Guiné-Bissau o problema não é o seu povo... Desse só verifiquei sempre gente boa, afável no trato com os estrangeiros e em particular com os portugueses (ao contrário de outros países africanos onde estive) e recordo-me das grandes discussões em casa do Pepito sobre Sporting, Benfica, Porto.......... futebol, futebol... e às vezes outras modalidades. Em 15 dias eu, a Paula Rego (obrigado pela paciência que tens comigo nestas aventuras) e o Nuno Lázaro constituímos uma Selecção nacional de Futsal que trabalhando duas vezes por dia conseguiu apresentar-se com dignidade e chegar ao último jogo com a possibilidade de conquistar a primeira medalha de bronze para o País. Com mérito de Angola, a quem me liga uma profunda amizade com alguns dos seus jogadores, acho que não me deixaram discutir a medalha quando no dia anterior me expulsaram o capitão de equipa, o Matê no último segundo(já agora dizer ao meu amigo Pedro Catita, comentador da RTP que este jogador de facto que se chama Osagayefo é o Matê, vice-campeão de Portugal no Belenenses e não um ilustre desconhecido do Ismailitas e que de facto era ele a grande baixa do jogo pela medalha de bronze), jogador com provas dadas no futsal português e depois com o jogo em 2-1 para Angola me expulsaram o Rubilson no 1º minuto da 2ª parte. Demais para uma equipa que ainda está nos primeiros passos. Mas ninguém ficará indiferente ao jogo com Portugal transmitido pela RTP 1 e onde a Guiné-Bissau deu uma demonstração de colectivo que dignificou um País e este projecto de algumas pessoas. No balneário, o Sr. Ministro do Desporto da Guiné-Bissau, Dr. Baciro Djá colocou o desafio da continuidade de trabalho desta Selecção Nacional e prometeu as condições e apoios necessários para levar esta equipa até ao Campeoanto de África de Futsal a disputar no Burkina Faso no próximo ano. Porque não? Para este grupo de jogadores duas palavras apenas. FANTÁSTICOS! OBRIGADO! Durante uma semana fomos o orgulho de um povo que sempre nos apoiou no Pavilhão Atlântico !
Foi com orgulho que estivémos em campo !

video


posted by Francisco Batista
8:47 PM Sexta-feira, Janeiro 02, 2009

...

domingo, 12 de julho de 2009

QUE COMECEM OS JOGOS

Chegou o momento mais aguardado pelos jogadores e técnicos da Guiné-Bissau, pois vai começar a competição e logo contra o campeão do Mundo!
Vamos ser sómente iguais a nós próprios, independentemente do adversário, pois não temos qualquer obrigação.
Mas o trabalho de preparação desse jogo ainda não terminou e há mais um treino às 10h30m e reunião técnica às 16h.

Boa sorte a todos os participantes nos 2ºs Jogos da Lusofonia.


BRASIL - GUINÉ - 20h no Pav. Atlântico, dia 12.

PORTUGAL - GUINÉ - 17h30 no Pav Atlântico, dia 13 com transmissão directa na RTP 1.

....

quarta-feira, 8 de julho de 2009

INÍCIO OFICIAL DOS TRABALHOS

Apesar de ter havido um primeiro treino no passado dia 4 no Pav. da Boa Hora em Lisboa, começa hoje oficialmente o trabalho da Selecção da Guiné-Bissau com a concentração marcada para as 11h30m num Hotel de Lisboa.
Haverá já hoje um treino às 17h30m e dois (10h30m e 17h30m) na quinta e na sexta. No sábado só haverá treino da parte da manhã às 10h30m, com folga da parte da tarde.
Domingo, o treino será às 10h30m, pois o jogo contra S. Tomé e Príncipe e que decidirá quem passa à fase de grupos é às 17h30m.

...